Assine a Patrimóvel News

quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

Setor imobiliário volta a crescer no país este ano, mas virada no Rio só deve ocorrer em 2019

O Globo, 10/01/2018
POR 
RIO - Para o mercado imobiliário brasileiro, de forma geral, 2018 deve marcar a virada de chave. A melhora no cenário macroeconômico e a retomada no crédito para o setor — a Caixa reativou neste início de ano a linha Pró-Cotista, aumentou o limite para o financiamento de imóveis de 50% para 70% e vai receber R$ 15 bilhões em recursos para financiar a compra da casa própria — devem puxar a demanda. No Rio de Janeiro, contudo, o cenário ainda é de preços em baixa, estoques elevados — sobretudo em unidades para média e alta renda — e demanda frágil. Na melhor hipótese, o mercado carioca vai atravessar 2018 andando de lado, perseguindo a meta de chegar à estabilidade em vendas e preço.
LEIA MAIS:
- Os últimos quatro anos foram o inferno astral do mercado imobiliário do Rio. Desde 2013, as vendas recuaram 60%. No ano passado, a queda foi de 30% a 35%. Este ano, o mercado terá de iniciar um novo ciclo. Em São Paulo, isso está acontecendo desde 2017. Mas, no Rio, a situação política é muito grave. Então, estamos atrasados — conta Rubem Vasconcelos, presidente da Patrimóvel, principal imobiliária do mercado carioca. - Em 2018, haverá lançamentos. Serão poucos e muito bem estudados, já com novo preço. Mas a retomada de fato só deve vir em 2019.

terça-feira, 2 de janeiro de 2018

Caixa retoma financiamento imobiliário mais barato

Folha de São Paulo
Anaïs Fernandes
02/01/2018



http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2018/01/1947340-caixa-retoma-financiamento-imobiliario-mais-barato.shtml


http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2018/01/1947340-caixa-retoma-financiamento-imobiliario-mais-barato.shtml